• Inês Rioto

China construirá moradias para idosos em todos os subdistritos até 2022


GUO JINHUI -DATA: 24 DE SETEMBRO DE 2019 -/ FONTE: YICAI

A China prestará mais atenção ao envelhecimento da população construindo pelo menos uma casa de repouso em cada subdistrito até 2022, segundo um ministério.

Pelo menos metade das camas em casas de repouso deve ser de enfermagem, como mostra o relatório divulgado ontem pelo Ministério de Assuntos Civis.

A cobertura de creches para adultos nas comunidades chegará a 90% até 2022, acrescentou o relatório. Grandes cidades chinesas, como Xangai, podem ser divididas em mais de 100 subdistritos e cada uma delas geralmente consiste em dezenas de comunidades.

A China é uma população envelhecida há vários anos pelos padrões estatísticos determinados pelas Nações Unidas. A população do país com mais de 60 anos ultrapassou 249,5 milhões no ano passado, ou 17,9% da população total.

O setor de atendimento a idosos da China está atrasado no desenvolvimento econômico regional nos últimos 15 anos, disse à Yicai Global Wang Baoguo, vice-diretor de um departamento de previdência social em Jiaxing, na província de Zhejiang. Isso exige que o campo se torne uma prioridade nas políticas públicas, acrescentou Wang.

As creches devem fornecer aos idosos serviços de refeições, transporte e emergência. Cada município da China rural deve ter pelo menos uma instalação para apoiar os idosos insolventes ou com limitações de mobilidade.

Editor: Emmi Laine

https://www.yicaiglobal.com/news/china-to-build-senior-housing-in-every-subdistrict-by-2022-ministry-says


Plenitude Ativa/Inês Rioto

Morar 60 mais - PNG.png

São Paulo/Brasil

Todos os direitos reservados

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • LinkedIn Social Icon